O novo teclado do Itaú e a modernização das transações bancárias brasileiras

Já é realidade em alguns países a utilização de mensageiros instantâneos para transações bancárias, como é o caso da China, onde o aplicativo WeChat é extremamente popular, nele, o usuário pode efetuar transações bancária com amigos através de uma conversa, fazer o pagamento em vários estabelecimentos apenas escaneando um código QR, e muitas outras funcionalidades.

Aqui no ocidente, nos Estados Unidos e em alguns outros países, a Apple já oferece em seu mensageiro, o iMessage, a opção de transferir dinheiro para amigos através de uma conversa, mas o serviço não chega ao grau de implantação visto na China com o WeChat.

Chegando finalmente em terras tupiniquins, o Brasil ainda não possui nenhum tipo de serviço semelhante ao visto nos dois países citados como exemplo, mas alguns bancos já mostram alguma movimentação para modernizar seus serviços. O Banco do Brasil, por exemplo, já iniciou testes com um BOT no WhatsApp e no Messenger, ambos do Facebook, para fazer o atendimento a seus clientes.


Já o Itaú lançou nessa semana um teclado para iOS e Android que permite aos usuários efetuar transferências bancárias enquanto utiliza qualquer aplicativo, como Telegram ou WhatsApp, por exemplo. No entanto, o app é uma facilitação da operação, evitando apenas que o usuário necessite fechar o aplicativo que está utilizando para abrir o aplicativo do banco e então efetuar a transferência. É o mesmo internet banking, porém alguns toques mais perto.

O fato é que para termos por aqui algo semelhante ao que é visto na China, o WhatsApp, que é o mensageiro mais utilizado, teria que entrar em acordo com os bancos daqui, algo semelhante ao que começou a acontecer recentemente na Índia, onde após o acordo com alguns bancos, a ferramenta começou a liberar o serviço de transferência bancárias dentro do próprio aplicativo.

Com isso, ferramentas como o novo teclado do Itaú são muito bem-vindos por seus usuários, afinal trazem mais praticidade. No entanto, são soluções paliativas e não universais, já que não permitem a integração de fato com aplicações comuns no dia a dia de todos, necessitando serem baixadas a parte.

Porém, antes mesmo de um sistema que realmente integre bancos e aplicações rotineiras surja, uma questão emerge. Com tantos golpes rodando pelo WhatsApp, qual seria a forma mais eficiente de proteger o dinheiro dos usuários?

Para utilizar o teclado Itaú citado na matéria, basta baixar o aplicativo oficial do banco. Você pode encontra-lo de forma mais fácil clicando nos links abaixo. Para mais informações sobre o app, você pode visitar o site do banco.

Para obter o aplicativo Itaú 30 horas para Android, clique aqui.

Para obter o aplicativo Itaú 30 horas para iOS, clique aqui.

Autor: Philipe Farias