Uber começa a aceitar pagamento em dinheiro em São Paulo

A partir desta sexta-feira (29), quem precisar andar de Uber em São Paulo e estiver com um problema no cartão de crédito poderá realizar o pagamento das viagens com dinheiro através do aplicativo. A mudança faz parte de uma série de alterações no serviço para que ele se adeque às regras de aplicativos de transporte da Prefeitura de São Paulo. Com a novidade, a empresa espera atingir aquele pessoal que ainda não deixou de usar o táxi por não possuir um cartão.

A opção ainda não está disponível para todos os clientes. De acordo com a empresa, a novidade será liberada aos poucos para os usuários. “Nas próximas semanas iremos monitorar de perto os resultados da implementação de pagamento em dinheiro para ouvir o feedback dos usuários sobre a novidade”, afirma a empresa. No entanto, a opção já está disponível para os novos clientes, quando estes baixarem o aplicativo pela primeira vez. Para os usuários que já têm o Uber instalado em seus smartphones, a atualização deve demorar alguns dias.

size-810-16-9-uber.jpg

Para realizar o pagamento, o usuário precisa acessar o menu principal do app no smartphone e selecionar a opção ‘Pagamentos’ e depois selecionar ‘Dinheiro’. No final da corrida o valor será exibido na tela do celular. Em seguida, basta pagar o valor diretamente para o motorista. Após o percurso, ainda é possível avaliar a viagem. E caso o motorista não tenha trocado, o usuário ficará com crédito no aplicativo para a próxima corrida.

A novidade será bastante interessante para os usuários, já que nem todos se sentem seguros ao usar cartões de crédito no serviço. Porém, do lado dos motoristas não há muita animação. O medo de assaltos e o aumento de calotes são temas recorrentes nas publicações de condutores frustrados. A empresa apenas informou que os motoristas podem negativar os passageiros que se recusarem a realizar o pagamento. Com relação aos assaltos, nenhuma solução viável foi apresentada.

A mudança ocorre poucos dias após o início do serviço EasyGo, da empresa Easy Taxi, que será mais um concorrente direto do Uber. A ideia de aceitar o pagamento em dinheiro começou em três capitais do Nordeste (Fortaleza, Recife e Salvador). A modalidade de pagamento foi estendida também para Belo Horizonte antes de chegar a São Paulo. Com isso, a Uber permite continuar a inscrição mesmo sem cartão.