Google divulga regras para uso do notch no Android

A Essential foi sem dúvidas uma das primeiras empresas, se não a primeira, a apresentar para o público um smartphone com o hoje famoso notch, ou entalhe. A novidade, apesar de não ser querida por muitos, chegou com o objetivo de levar ao usuário o maior aproveitamento de tela possível e se espalhou de forma absurda quando a Apple resolveu implementa-la no seu topo de linha, o iPhone X.

Adotada por vários fabricantes ao redor do mundo, hoje não é difícil encontrar um smartphone da Xiaomi, da Asus ou da LG, por exemplo, que traga a nova característica. Ela é amplamente difundida no mundo Android e há boatos de que até mesmo o próximo Google Pixel, o topo de linha do Google, trará o entalhe em sua tela.

Talvez por conta disso, o Google acabou de divulgar no seu blog voltado ao desenvolvimento do Android, que traz as últimas informações oficiais sobre o sistema do robô, as diretrizes que necessitarão ser seguidas pelas fabricantes e pelos desenvolvedores de apps no novo Android P 9.0 quando o assunto é o notch.

De acordo com o Google, fabricantes e desenvolvedores só precisarão utilizar as laterais do notch para exibir as informações padrões da barra de status quando o dispositivo estiver em modo vertical de exibição – assim como já acontece atualmente com os aparelhos que contam com a característica.

unnamed-9image5.png
Imagem: Reprodução / Android Developers

O jogo muda de figura quando o dispositivo estiver disposto na horizontal, em modo retrato. Nesse caso, por padrão, o app ou conteúdo será mostrado em uma área delimitada, escondendo o entalhe.

No entanto, os desenvolvedores estarão liberados para utilizar a área ao redor do recorte e em alguns casos, como a exibição de vídeos, o Google disponibilizará uma opção especial na barra de navegação que possibilitará expandir o conteúdo para tela cheia, utilizando toda a área disponível no display.

As novas diretrizes também trazem um detalhe bastante peculiar: o Google limitou o número de entalhes para dois, mesmo que ainda não tenhamos um aparelho com essa característica no mercado.

Como pode ser visto no post do blog, o Android P permitirá que as fabricantes implementem ou um notch superior, como é visto nos aparelhos atualmente, ou dois entalhes, que não podem ficar nas laterais do dispositivo, ou um notch localizado nos cantos da tela – que também ainda não foi visto em um smartphone.

E você, o que acha do famoso notch? Acha que ele atrapalha?

Autor: Philipe Farias