De olho no futuro! Samsung anuncia display inquebrável e nova geração de memórias RAM

Com o lançamento do Galaxy Note 9 agendado para o começo do próximo mês, no dia 9 de agosto, toda a atenção da mídia está voltada para o novo aparelho, com vazamentos e especulações do que podemos aguardar.

No entanto, ao que parece os olhos da Samsung estão voltados para o futuro, como de fato tem que ser, e a empresa está recheando o mercado com inovações que poderemos ver em breve não só nos seus aparelhos, mas também nos dispositivos de outras marcas, tendo em vista que a companhia é a responsável por fornecer alguns componentes para outras fabricantes.

Display Inquebrável

55bc39fc645e202e47275633-18.jpg
Imagem: Nintendo

Uma dessas inovações foi anunciada recentemente durante a Display Week, que aconteceu no último mês de maio, e foi certificada pelo Underwrites Laboratory (UL), companhia oficial de testes para a Administração de Segurança e Saúde Ocupacional do Departamento do Trabalho dos EUA, na última quarta-feira (25).

Trata-se de um display OLED inquebrável para smartphones, que foi testado exaustivamente pela UL e que de acordo com os relatórios divulgados, não apresentou nenhum tipo de dano ou mal funcionamento após 26 quedas sequenciais de uma altura de 1,2 metros e exposição a baixas (-32 graus) e altas temperaturas (71 graus).

“De acordo com a UL, a tela inquebrável desenvolvida pela Samsung Display passou no rigoroso teste de durabilidade em tempo real baseado nos padrões militares estabelecidos pelo Departamento de Defesa dos EUA. Após um teste de queda administrado a 1,2 metros (acima de 4 pés) acima do solo 26 vezes seguidas e acompanhamento de testes de temperatura altos (71 graus) e baixos (-32 graus), o painel inquebrável da Samsung continuou a funcionar normalmente sem danos sua frente, lados ou bordas”

De acordo com a própria Samsung, o novo painel vai contra ao que vemos com as outras fabricantes, que utilizam vidro para revestir os seus displays. Nesse caso teremos esse novo substrato inquebrável sobrepondo o OLED, permitindo manter a flexibilidade da tela.

galaxy-s8-always-on-disp-90.jpg
Imagem: androidcentral

Ainda de acordo com a empresa, esse novo material é perfeito para a utilização em painéis de aparelhos eletrônicos portáteis, e não apenas por conta da sua resistência. O substrato é mais leve que o vidro, mas apresenta a mesma dureza e transmissibilidade do material.

Imersa no desenvolvimento de displays flexíveis há anos, a Samsung ressaltou que apesar do desenvolvimento da tecnologia ser voltada inicialmente para smartphones, nada impede que ela seja portada para outros objetivos, como painéis de carros, dispositivos militares, consoles portáteis e telas de notebooks.

E caso você esteja pensando que a nova tecnologia não passa de um conceito que demorará a aparecer nos smartphones voltados ao público, está enganado. Há quem acredite que veremos o novo painel já no Galaxy Note 9.

O mais certo, no entanto, é que ele estará presente a partir do ano que vem em parte dos aparelhos disponíveis do mercado, como nos smartphones da família Galaxy e até mesmo nos novos iPhones, tendo em vista que a companhia sul-coreana é a principal fornecedora de displays da Apple.

Novas memórias RAM

samsung-outs-slimmer-fru-77.jpg
Imagem: GsmArena

As novidades não ficam por aí e a Samsung anunciou ontem (26) que começou a produzir massivamente uma nova geração de memórias RAM para dispositivos móveis. Intituladas pelo acrônimo de LPDDR4X – Low Power (baixa energia), Double Data Rate (Taxa de dados duplas), 4X, as novas memórias são da classe dos 10 nanômetros e trazem um grande avanço em relação as suas antecessoras.

Graças a combinação de 4 chips de 16 Gigabits LPDDR4X, a empresa conseguiu produzir um único módulo de 8 Gigabytes, que deve equipar em breve alguns smartphones. Comparado com a geração anterior, o novo módulo é mais fino, possui um menor consumo de energia e entrega a mesma taxa de transferência de dados, 4.266 Mb/s.

“O advento da DRAM móvel de classe 10nm permitirá soluções significativamente aprimoradas para os dispositivos móveis de última geração, que devem chegar ao mercado no final deste ano ou na primeira parte de 2019.” Disse Sewon Chun, vice-presidente da divisão de memórias da Samsung.

Com isso, a expectativa é que vejamos o novo componente muito em breve, talvez até mesmo fazendo parte das especificações técnicas de smartphones lançados ainda esse ano, como o Pixel 3, por exemplo. No entanto, a “certeza” é que o novo componente equipará a geração de topos de linha da Samsung no próximo ano.

E você, o que espera da próxima geração de topos de linha da empresa?

Autor: Philipe Farias

Fonte: Tudo Celular