Sacanagem! Samsung traz Galaxy J6 para o Brasil com menos recursos e mais preço

O hábito de algumas empresas de não trazer para o Brasil alguns de seus melhores equipamentos ou até mesmo trazer versões menos poderosas de seus dispositivos é um fato. As companhias justificam essa atitude como a não canibalização de seus próprios produtos, uma vez que a chegada de um dispositivo com melhores configurações e um preço equiparado poderia deixar o produto existente em desvantagem.

As empresas também alegam que o “custo Brasil” é muito alto e a soma de todas as taxas ao preço de um equipamento pode levar a uma queda nas margens de lucro, tendo em vista que um preço acessível e adquirível precisa ser praticado para evitar o empaque do estoque.

No entanto, nem todas as ações por conta dessas companhias são entendíveis e muitas vezes as atitudes tomadas por aqui parecem visar o lucro acima de uma boa experiência para o usuário.

Esse é o caso da Samsung, que resolveu trazer para o Brasil o Galaxy J6 com apenas 2 GB de memória RAM e 32 GB de armazenamento interno por estrondosos R$ 1299 reais. O preço é maior do que o praticado na Índia, onde é vendido por U$ 310 dólares (R$ 1200 reais), e tem configurações inferiores as vistas por lá, onde o mesmo modelo é anunciado com 4 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento interno.

Especificações técnicas

samsung-galaxy-a6-plus-h-15.jpg
Imagem: bgr


Confira abaixo as especificações de cada aparelho lado a lado.

Galaxy J6 – Especificações técnicas (Índia)

  • Tela HD+ de 5.6 polegadas, Super AMOLED e com proporção 18,15:9
  • Processador octa-core Exynos 7870 com clock máximo de 1.6GHz
  • GPU Mali T830
  • 4 GB de RAM
  • 64 GB de armazenamento interno
  • Memória expansível até 256GB via cartão microSD
  • Câmera traseira de 13MP com flash LED e abertura f/1.9
  • Câmera frontal de 8MP com flash LED e abertura de f/1.9
  • TV Digital
  • Leitor de impressão digital
  • Dual SIM
  • Bateria de 3.000mAh
  • Android 8.0 (Oreo) rodando sob a Samsung Experience
 

Galaxy J6 – Especificações técnicas (Brasil)

  • Tela HD+ de 5,6 polegadas Super AMOLED e com proporção de 18,5:9
  • Processador octa-core Exynos 7870 com clock máximo de 1.6GHz
  • GPU Mali T830
  • 2 GB de RAM
  • 32 GB de armazenamento interno
  • Memória expansível até 256GB via cartão microSD
  • Câmera traseira de 13MP com flash LED e abertura f/1.9
  • Câmera frontal de 8MP com flash LED e abertura de f/1.9
  • TV Digital
  • Leitor de impressão digital
  • Dual SIM
  • Bateria de 3.000mAh
  • Android 8.0 (Oreo) rodando sob a Samsung Experience


O fato é que não há como saber de quem é a culpa pela diferença de preço, uma vez que essa pode ter acontecido graças aos impostos aplicados pelo governo brasileiro, que provavelmente são diferentes dos aplicados pelo governo da Índia, ou graças a vontade da Samsung de ter uma taxa de lucro maior em nosso país.

Apesar de não ter como dar certeza, é totalmente crível que a taxa de imposto aplicado pelo nosso governo em um aparelho com especificações técnicas um pouco mais robustas o tornaria impraticável por aqui com a manutenção da taxa de lucro por conta da Samsung.

No entanto, não há como descartar que essa diferença também possa ter acontecido graças a própria empresa, que viu no nosso mercado uma oportunidade de ganhar mais dinheiro oferecendo um aparelho com menos recursos.

E você, acha que é de quem a culpa nessa discrepância?

 

Autor: Philipe Farias

Fonte: Tudo Celular