Conheças as principais novidades anunciadas no primeiro dia da Google I/O

Iniciou ontem (8) o evento do Google para desenvolvedores, a Google I/O, e as novidades são empolgantes, ou em alguns casos, um pouco assustadoras. A empresa abordou na conferência algumas das novidades que em breve serão realidade em produtos como o Google Fotos, Google Mapas, Google Assistente, Gmail, e como não podia faltar, as novidades do Android P, que teve sua pré-estreia no começo desse ano.

O Google no primeiro dia da sua conferencia abordou principalmente a capacidade da IA (inteligência artificial) que vem desenvolvendo há anos, em união, muitas vezes, com os dados que coleta de seus usuários. A amostra desses novos recursos, caso tornem-se reais, elevará muito o nível da gigante da tecnologia em relação a suas concorrentes.

 A seguir você pode ver resumidamente, dividido em categorias, o que aconteceu de principal no evento.

Google Fotos

O novo aplicativo de fotos ganhou novas funcionalidades alimentadas por Inteligência Artificial, como a possibilidade de descolorir o fundo de uma foto, criação de conteúdo automaticamente (colagens, animações e pequenos filmes), melhoramento automático de fotos (clareamento, rotação, entre outros), reconhecimento de faces (reconhecendo pessoas em fotos e perguntando se você deseja compartilhar a foto com elas), e pasmem, colorização de fotos em preto e branco. Isso mesmo que você leu, a nova função “Colorize", através de um processo em que a IA sugere as melhores cores para os elementos de uma foto em preto e branco, consegue colorir automaticamente uma foto. Abaixo você pode ver uma imagem utilizada pela empresa para exemplificar o recurso.


beforeaftergooglecolorize.jpg
Antes e depois do recurso Colorize aplicado


O Google, porém, não revelou quando essa nova função estará disponível, já que a IA se mostrou muito boa com certos objetos, mas ainda precisa de melhoramento quando se trata de tons de pele, por exemplo.

Google Mapas

Sabe aqueles momentos em que você está andando seguindo a seta azul do Google Maps e inesperadamente ela fica desgovernada, virando para o outro lado ou até mesmo saindo da rota? O Google aparentemente achou uma solução para isso: Integrar o Google Lens, que poderá ser acessado também direto do aplicativo de câmera, com o Google Maps. Simplesmente aponte o seu celular para rua e o modulo de realidade aumentada será ativado com uma pequena versão do Google Maps no rodapé, indicando as direções. A Google não deixou claro quando o recurso estará disponível no Google Maps.


zcflrcpdxumpccx7j2htp4-6-16.jpg
Integração do Google Mapas com o Google Lens, auxiliando o usuário a chegar ao seu destino.


Google Assistente

Um novo elemento (empolgante, porém meio assustador), chamado Google Duplex, pode ser adicionado ao Google Assistente em breve. Esse novo recurso permite que você peça ao assistente que faça reservas ou marque compromissos com pessoas ou estabelecimentos através de uma chamada de telefone, literalmente. Para entender melhor o recurso, confira o vídeo abaixo (em inglês).



Na primeira ligação do vídeo a usuária pede a Assistente do Google que marque seu cabelereiro em um certo dia, das 10 às 12 horas. A assistente então rodando em plano de fundo faz a ligação para o salão de beleza e, respondendo de forma maleável as alternativas dadas, agenda o salão para as 10 horas da manhã. Confirmando logo depois para a usuária o agendamento do compromisso.

O que deixa o recurso tão impressionante é a capacidade do assistente em responder as perguntas, assim como a naturalidade da voz, que em alguns momentos até utiliza expressões como “hm-rum” quando é pedido para aguardar.

Outro recurso prometido para Assistente é a possibilidade de através do Google Lens, o usuário conseguir visualizar em tempo real informações de objetos ou estabelecimentos, como visto no tweet abaixo.



Além desses recursos, a Google irá adicionar mais 6 vozes a assistente, inclusive a do cantor John Legend (somente para a versão em inglês).

Uma verdadeira surra na Siri, a assistente presente no iPhone.

A Google não informou maiores detalhes sobre a data de lançamento das implementações.

Gmail

Uma nova funcionalidade alimentada pelo aprendizado da IA e focada em produtividade deve chegar em breve ao Gmail, o Smart Compose, que irá sugerir frases enquanto você escreve. Se você digitar, por exemplo, “vamos ao parque”, ele pode vir a sugerir algo como “hoje a tarde. Você traz os lanches”. Isso, baseado em mensagens que você escreveu previamente, analisando todo o contexto.


kkiyqnfyfnxqbuzcedutqg-9-14.jpg
Recurso Smart Compose


Android P

Com a pré-estreia do início desse ano, uma versão ainda em Beta do Android P apareceu no evento, e assim como os outros serviços da empresa, está ganhando recursos de inteligência artificial.


k5qgv3zha5gf2ocsyp7xc6-6-31.jpg
Adaptive Battery, mais um novo recurso do Android P


Um deles é um recurso chamado Adaptive Battery, que diminuirá cerca de 30% a quantidade de vezes que o processador precisa sair do repouso para atender aplicações que o sistema prevê que não serão utilizadas até o final do dia.

Outro recurso é o Adaptive brightness, que regulará o brilho da tela não mais inteiramente pela luz captada pelo sensor, mas também pelo aprendizado feito através da análise de como o usuário regula o brilho da tela manualmente.

Características como o App Actions e o App slices também serão adicionadas ao sistema. Essas, respectivamente, permitirão que o sistema preveja ações do usuário e sugira aplicativos para ele, e que desenvolvedores possam adicionar “pedaços” dos seus aplicativos em diferentes partes do sistema, como na busca, por exemplo, onde ao buscar Uber, a busca retorne não apenas o aplicativo buscado, mas também opções de deslocamento como Casa ou Faculdade, e os valores para fazer o deslocamento.


dysw5bbes73jwxzqxrrltn-6-65.jpg
Nova interface de navegação do Android P


Além dos recursos de IA, a Google mostrou também uma nova interface de navegação do sistema muito semelhante ao visto no iPhone X. Nessa nova interface, o usuário terá um maior aproveitamento de tela, e pode deslizar de baixo para cima em qualquer parte do sistema para exibir aplicativos abertos recentemente, e deslizar mais uma vez (ou dar uma deslizada para cima mais longa) para ver a já conhecida gaveta de aplicativos. Outra mudança na interface foi a do controle do volume de toque e reprodução de mídia, agora eles permitem sem confusões, que o usuário abaixe apenas o volume da mídia ou apenas silencie o toque.

 Autor: Philipe Farias

Fonte: The Verge