Conheça o Android-X86, o Android feito para computadores

Desde que os smartphones tomaram um papel tão principal em nossas vidas sendo quase que extensões do nosso cérebro, a ideia de poder emular ou portar o seu sistema operacional em computadores existe. Visando oferecer uma maior produtividade ou precisão em algumas tarefas, diversos desenvolvedores vêm tentando ao longo de alguns anos fazer com que esses sistemas operacionais rodem de forma plena em computadores pessoais.

Com a presença de apenas dois sistemas móveis principais no mercado de smartphones, o iOS e o Android, e sendo o primeiro deles muito fechado, uma das alternativas para conseguir rodar um sistema operacional móvel em um computador é fazendo uma emulação do Android. Emuladores de Android como o BlueStacks, o NoxPlayer e o MEmu Play já são realidade e oferecem uma solução estável para quem quer rodar o Android dentro do Windows, por exemplo.

android-x86-8-1.jpg
Android-x86 – Imagem: Slashgear


Outra alternativa e talvez a mais difícil entre elas é fazer com que o Android rode de fato como o sistema operacional do computador, uma tarefa nada fácil graças a grande disparidade da estrutura dos componentes internos de um PC e um smartphone. Nesse caso temos como exemplo o já descontinuado Remix OS e o projeto open source Android-x86, que acaba de lançar a primeira compilação do Android Oreo 8.1 para PC.

Sendo o Android-x86 um sistema operacional fundamentado no projeto de código aberto do Android (AOSP), a sua nova versão baseada no Android Oreo 8.1 traz diversas novas características para dar mais suporte a uma gama maior de hardware e prover um melhor desempenho.

Entre as características do sistema temos o suporte a computadores com arquitetura de 32 ou 64 bits e o suporte a aceleração de hardware para Intel/AMD/Nvidia e máquinas virtuais como VMWare e QEMU via OpenGL Es 3.x, por exemplo. Caso queira checar todas as características e informações sobre o sistema, basta acessar a página do projeto clicando aqui.

Na página do projeto também há diversos tutoriais ensinando como instalar o sistema em uma máquina virtual. Caso você queira um pouco mais de aventura, há também instruções de como criar um USB bootável para instalar o sistema em um computador de fato. Muito cuidado com essa última opção.

 

Autor: Philipe Farias

Fonte: Android-x86